Top Employers

Diversidade gera inovação

Destaque na certificação, ações para incluir grupos sub-representados e preocupação com paridade salarial se intensificam no BNP Paribas Brasil

de Jussara Goyano em 6 de abril de 2023

O Banco BNP Paribas Brasil conquistou, pelo segundo ano consecutivo, o selo Top Employer. Ações da empresa em prol da diversidade foram destaque nesta edição do certificado. Renato Rovina, diretor de RH (foto), destaca o comprometimento com as metas em cada um dos grupos afirmativos e ressalta: “A diversidade traz uma inovação que não se vê em grupos homogêneos”.

Para tratar do tema, o BNP Paribas possui cinco grupos de afinidade, coordenados por voluntários. São eles o MixCity (que discute equidade de gênero), o Pride (para integrar a comunidade LGBTQIA+), o Grupo Raça (sobre diversidade racial), o D+Eficiência (sobre a inclusão de pessoas com deficiência) e o SociAll (para garantir a diversidade social como um todo).  Eles apoiam a liderança e o RH na elaboração e na revisão de políticas e programas da pauta.

O Pay Equity Review, por exemplo, é um programa anual que revisa e garante a equidade salarial entre homens e mulheres, e, segundo Rovina, garante que 100% do quadro de colaboradores seja remunerado equitativamente. Ainda sobre elas, há o programa Dn’A Women, que, ao longo de suas quatro edições (2019-2022), capacitou 260 estudantes universitárias do gênero feminino para atuarem no mercado financeiro. No que diz respeito a outros grupos, o BNP implementou, no ano passado, no Brasil, o Programa Estágio Afirmativo, que selecionou exclusivamente estudantes pretos e pardos para atuarem em diferentes áreas.

Além dessas iniciativas, o banco realizou pela primeira vez um hackathon com foco em Diversidade, Equidade e Inclusão (DE&I), com a proposta de encontrar uma solução para aceleração das carreiras de grupos sub-representados, como mulheres, LGBTQIAP+, pessoas pretas e pardas e pessoas com deficiências.

Atualmente com 735 colaboradores no Brasil, sendo 422 homens (57%) e 313 mulheres (43%), a companhia tem 500 desses profissionais envolvidos diretamente com o tema DE&I, conta Rovina. Entre outros atributos do ambiente corporativo, “essas ações nos motivam a estar no BNP”, destaca o executivo, mencionando resultados da sondagem periódica sobre o clima organizacional.

O que também fortalece o clima, além de colocar a organização no radar das melhores marcas empregadoras do mundo, é a certificação Top Employer.  O processo e a conquista do certificado contribuem, entre outras coisas, para “o senso de união e de propósito do time”, entende Rovina. E não se trata apenas de evidenciar os diferenciais da marca empregadora, mas assegurar, segundo cada pilar avaliado, a adesão às melhores práticas de gestão: “Top Employer também é sobre fazer bem o básico – remuneração, governança e liderança acessível”, destaca o executivo.

Compartilhe nas redes sociais!

Enviar por e-mail